Gol e Infraero são punidas por cadeirante se arrastar em escada

gol-e-infraero-sao-punidas-por-cadeirante-se-arrastar-em-escada

A Gol e a Infraero foram punidas pela Anac depois que, há seis meses, a executiva e cadeirante Katya Hemelrijk da Silva, 39, ter se arrastado pelas escadas de um avião da companhia para poder embarcar. De acordo com reportagem da ‘Folha de S. Paulo’, foram aplicadas 11 infrações, no valor total de R$ 230 mil.

O aeroporto de Foz do Iguaçú, onde aconteceu o incidente, não dispunha, na ocasião, de um ambulifit, que facilita o embarque de pessoas com deficiência. A executiva sofre de uma doença que deixa os ossos do corpo frágeis e, por isso, não quis ser carregada por funcionários sem o treinamento adequando para essa situação.

Ainda de acordo com o jornal, o prazo para recurso é de 20 dias a partir do recebimento das infrações – que foram baseadas na resolução 280/2013, sobre acessibilidade de passageiros com “necessidade de assistência especial” no transporte aéreo.

Fonte: Rádio Portal News

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *